terça-feira, setembro 27, 2011

Quinta das Lágrimas - Hotel Coimbra

A Quinta das Lágrimas localiza-se na margem esquerda do Mondego, na frequesia de Santa Clara, em Coimbra, no Distrito de Coimbra, em Portugal. Um palácio do século XIX requalificado como hotel. Nos seus jardins acumulam-se memórias desde o século XIV, tanto nos elementos construídos como nas árvores, nas lendas populares e na sua própria história.
Neles se encontram as chamadas Fonte dos Amores e Fonte das Lágrimas. A quinta e essas fontes são célebres por terem sido cenário dos amores do príncipe D. Pedro (futuro Pedro I de Portugal) e da fidalga D. Inês de Castro.
A Fonte dos Amores, teria recebido este nome em homenagem ao amor de D. Pedro e D. Inês.
Para matar a curiosidade daqueles que adoram uma boa história de amor, um breve relato:
Dom Pedro, herdeiro do trono português casou-se com D. Constança. D. Inês de Castro era uma de suas damas de companhia e por quem Pedro viria a se apaixonar. O romance foi descoberto e para evitar conflitos, o Rei Dom Afonso IV, pai de D. Pedro, mandou exilar Inês.
A outra fonte da Quinta foi batizada por Luís de Camões de Fonte das Lágrimas, teria surgido a partir das lágrimas de D. Inês de Castro no momento de sua morte. Dizem que o vermelho visto nas pedras submersas é o sangue de D. Inês, ainda vermelhas após seis séculos e meio...
"As filhas do Mondego, a morte escura
Longo tempo chorando memoraram
E por memória eterna em fonte pura
As Lágrimas choradas transformaram
O nome lhe puseram que ainda dura
Dos amores de Inês que ali passaram
Vede que fresca fonte rega as flores
Que as Lágrimas são água e o nome amores"
Os Lusíadas, canto III.
É a história de Romeu e Julieta portugueses, é sem dúvidas um lugar muito romântico e mágico! Vale a pena a visita!!


O Restaurante Arcada:  Com 1 estrela Michelin este conceituado restaurante tem como chefe Albano Lourenço e Joachim Koerper consultor, utilizam os melhores e mais frescos produtos diariamente disponíveis no mercado. A ementa é renovada com regularidade, acompanhando o ritmo das estações do ano.
Na confecção das diversas especialidades, que primam pela imaginação e criatividade, são também utilizados ingredientes produzidos na própria quinta, nomeadamente as ervas aromáticas. Recomendo!!  Pessoal preparado, comida excelente e vinhos maravilhosos.















0 comentários :

Enviar um comentário