Saiba como tirar visto de estudante para Portugal

Se você pretende ir estudar na terrinha, a primeira coisa a fazer é saber como tirar o visto de estudante para Portugal. Acontece que essa é uma dúvida recorrente da maioria dos candidatos que decidem ir para a terra de Colombo fazer a graduação, mestrado e até mesmo o doutorado.

Existem alguns cuidados que você deve tomar, claro, planejando muito bem sua viagem e o tempo em que ficará no país. É bom lembrar que os documentos demoram algum tempo para ficar prontos, por isso vamos ajudar você em como tirar o visto de estudante para Portugal, da maneira mais fácil e prática possível.

Passo-a-passo de como tirar visto de estudante para Portugal

O país de nossos colonizadores tem sido um dos mais procurados por brasileiros nos últimos anos. E nesse barco estão também os estudantes.

Acompanhe nossas dicas para saber como tirar visto de estudante para Portugal e fique por dentro da forma mais segura de obter o documento. Para estudantes de fora da União Europeia, é necessário obter uma autorização, o qual chamamos de visto. Esse visto, no caso dos brasileiros, é obtido através de solicitação junto a um consulado ou embaixada portuguesa que esteja mais próxima do seu local de residência. Além disso, outras precauções devem ser observadas:

  1. Fique atento às datas: se pretende estudar em Portugal por mais de um ano, seu visto deve ser de residência e não só de estudantes. O que muda um pouco o processo.
  2. Tempo de estadia: caso seja mais curto que 12 meses, então o que você deverá procurar o Consulado Português, pode ser feita a requisição on-line.
  3. Matrícula: você irá preencher um requerimento, é necessário ter em conta que deve estar devidamente matriculado em alguma instituição de ensino.
  4. Duração: o processo todo dura em torno de 3 meses, por isso é altamente recomendado que o candidato apenas compre a passagem após a resposta positiva do Consulado. É mais seguro.

Como tirar visto de estudante para Portugal: documentos obrigatórios

Agora que você já sabe como tirar visto de estudante para Portugal, veja o que deverá juntar para dar prosseguimento junto ao Consulado Português, segundo a própria entidade:

  1. Carta de aceitação: Carta de aceitação emitida pela instituição de ensino portuguesa ou comprovante de inscrição no curso pretendido.
  2. Declaração do próprio: Declaração assinada pelo aluno dizendo o curso que pretende fazer, nome da instituição de ensino em que o curso será feito, data de início e fim e local de alojamento em Portugal.
  3. Comprovativo dos meios de subsistência: Os meios de subsistência em Portugal podem ser comprovados por um dos seguintes documentos:
  4. Comprovativo de que possui alojamento no país.  
  • Comprovante da bolsa de estudos que o aluno recebeu, onde conste o montante que lhe foi atribuído;
  • Termo de responsabilidade escrito por um familiar, dizendo que se responsabilizará por todas as despesas do aluno durante a sua estadia em Portugal. O termo deverá ser acompanhado de fotocópia da última declaração de imposto de renda desse responsável e conter a sua assinatura reconhecida;
  • Fotocópia da última declaração de imposto de renda do aluno, nos casos em que seja ele o responsável pela sua subsistência em Portugal.
  1. Seguro médico.
  2. 2 fotografias 3×4.
  3. Passaporte válido.
  4. Autorização do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, SEF.
  5. Antecedentes criminais
  6. Declaração: Declaração de ciência do fato de não dever viajar a Portugal sem o devido visto
  7. Declaração: Declaração do requerente concordando em receber o passaporte pelo correio em sua residência OU,se desejar retirar o visto nos Vice-Consulados de Curitiba ou Porto Alegre, deve preencher a respectiva solicitação.
  8. Cópia do RG.
  9. Boleto bancário pago.

Todas essas informações de como tirar visto de estudante para Portugal, estão no seguinte endereço: http://consuladoportugalsp.org.br/visto-estudos-residencia/. O primeiro passo você já deu, agora é hora de recolher todos esses documentos e partir em busca da tão sonhada formação. Lembrando que sem todos esses documentos em mãos, não vale a pena tentar uma marcação, portanto organiza-se e boa viagem.

Deixe uma resposta

Fechar Menu