Quer comprar carro em Portugal? Veja o que você precisa saber

O transporte público em Portugal é bom e se você morar fora dos grandes centros, dá para resolver muita coisa a pé, mas que ter um carro é uma mão na roda (desculpa o trocadilho!), isso é. No Brasil, estamos acostumados a preços assustadores na hora de aquirir um veículo, mas na terrinha a conversa é outra. Se está nos seus planos comprar um carro em Portugal, veja as informações que separamos para te ajudar.

Sou turista. Posso comprar um carro em Portugal?

Sim, turista pode comprar carro em Portugal. A questão é se ele deve comprar. Isso porque a burocracia e os preços para exportar o carro, no caso do Brasil, são tantas que talvez não compense nem o preço mais camarada. Já para levar o carro para outro país da Europa, é preciso considerar a legislação e as taxas tributária de cada um para avaliar os custos.

Se você mora em Portugal e precisa de um veículo para o dia a dia, é importante saber:

Documentos para compra de carro

Para comprar um carro à vista, é preciso apresentar o passaporte (ou autorização de residência), o número de identificação fiscal (NIF) e comprovante de residência. Há alguns financiamentos para quem não tem o dinheiro em mãos, mas eles não costumam contemplar muitos estrangeiros, pois tem o risco de a pessoa voltar para o país e não pagar a dívida. Mas uma solução é apresentar um fiador português ou alguém que possua a cidadania portuguesa.

Seguro de carro em Portugal

O seguro de carro em Portugal é um pouco diferente do Brasil. Você pode não ter seguro para o seu carro, mas é obrigado a ter o Seguro Automóvel de Responsabilidade Civil, conhecido como seguro para terceiros. Aliás, geralmente o carro só sai da concessionária com esse seguro já contratado.

O preço do seguro do automóvel varia de acordo com alguns fatores como idade, experiência e histórico do condutor, região de residência e franquia. A maioria das companhias oferecem pagamento anual, semestral, trimestral ou mensal.

Comprar carro em Portugal: que modelo escolher?

Todo mundo tem aquele modelo de carro que faz o coração bater mais forte, mas é importante ter atenção a alguns pontos na hora de escolher qual carro comprar em Portugal, afinal, beleza não é tudo. O primeiro ponto é escolher bem o tipo de combustível. Em Portugal os mais comuns são a gasolina e o diesel (gasóleo). Ambos possuem vantagens e desvantagens. Por exemplo, o diesel é mais econômico no preço final, mas ele compensa mais para quem roda longas distâncias. Em trechos pequenos, pode ser mais vantajoso um carro à gasolina.

Vale lembrar também que o carro à diesel tem um custo de manutenção maior, além de ele ser mais poluente para o meio ambiente. Por conta disso, o imposto é até mais caro para carros à gasóleo do que à gasolina.

Impostos

E por falar em impostos, proprietários de carros em Portugal pagam dois: o ISV, pago uma vez no ato do emplacamento, e o IUC, equivalente ao IPVA no Brasil. Carros fabricados até 2007 pagam um valor menor de IUC. Acima de junho de 2007, o preço vai aumentando de acordo com o ano e o modelo do veículo.

Outra despesa de quem comprar carro em Portugal é a inspeção. Uma vez por ano, o carro é avaliado e só pode circular se estiver em perfeitas condições. Tudo é visto, desde os freios à buzina.

Deixe uma resposta

Fechar Menu