Vai para o Porto? Visite o Mercado do Bolhão 

É comum ao visitarmos novas cidades buscarnos por coisas originais e características da região. E é exatamente isso que o Mercado do Bolhão, na cidade do Porto, oferece. 

Muito próximo à Avenida dos Aliados, localiza-se um dos edifícios mais populares do Porto. Construído em 1914 e em funcionamento desde 1918, é um referência de aromas, sabores e cores. 

Suas lojas vendem peixe, frutas, flores e muito mais. O aspecto original do edifício é conservado até hoje, e as lojas que vendem bacalhau, sem dúvida, são o centro das atenções. A essência da cidade do Porto passa por ali e claro merece uma visita. 

A história do Mercado do Bolhão 

Ao chegar, talvez você fique surpreso com o ar decadente do edifício. Embora esteja atualmente em obras, é uma das construções mais antigas e emblemáticas da cidade do Porto, e é mesmo um ponto obrigatório de passagem. 

As origens do Mercado do Bolhão, começam a ser contadas por volta de 1839, quando a prefeitura da cidade do Porto decidiu construir uma praça. Por conta da  lama que lá se acumulava, uma enorme bolha foi se formando e serviu para batizar o edifício que foi construído bem mais tarde, já no século XX, e que hoje é emblemático na cidade. 

Mercado temporário do Bolhão: uma casa provisória 

O Mercado do Bolhão já passou por diversas obras, inclusive em seu subterrâneo, mas mantém o mesmo charme de sua construção original. Desde 2016 vem-se trabalhando para melhorias do edifício. 

Com isso os comerciantes que por lá trabalhavam foram realocados para o que carinhosamente chamam de Mercado Temporário ro Bolhão, onde devem permanecer até finais de 2020, altura prevista para a conclusão das atuais obras de requalificação. 

O espaço mais moderno e muito charmoso, reúne os mesmos atributos em termos de vendas. Peixe fresco, bancas de frutas e flores, além das lojas de produtos naturais, restaurantes e cafés. Se por um lado não se pode entrar no antigo prédio, pode-se observar de fora sua magnitude. Mesmo com os “enfeites” advindos das obras que estão a todo vapor. 

Segundo o site oficial o início do restauro do prédio teve início em maio de 2018, data que marca 100 anos do início das atividades do mercado. Serão pelo menos dois anos em restauros e processos de construção e adaptações aos novos tempos, até lá o Porto convida a visitar o Mercado Temporário do Bolhão. 

O Mercado do Bolhão, embora em local provisório é um daqueles locais de visitação obrigatórios, mesmo que não se tenha intenção de comprar nada. E é muito provável que não se compre. A experiência de estar por lá e viver o que os portugueses vivem já é um dos grandes feitos na visita. Obviamente damos um conselho: coma um pastel de nata e tome um cafezinho enquanto desfruta do movimento e da tradição portuguesa.

Deixe uma resposta

Fechar Menu